Você sabe o que é placa mãe? Para que o computador desktop ou portátil (notebook) ou outros equipamentos eletroeletrônicos funcione, é necessário que haja interação de qualidade e sem conflitos entre todos os equipamentos e peças – os chamados hardwares.

Normalmente, todos os computadores são equipados com os mesmos tipos de hardwares: memória, HD, processador, placa de vídeo (integrada ou não), leitor de CD ou DVD, gravador de CD ou DVD, slot de expansão, bateria, BIOS, etc. O que faz com que todas essas peças se encaixem e conversem entre si é a placa mãe.

Então, o que é e como funciona a placa mãe

Também chamada de “mainboard” ou “motherboard”, a placa mãe é o componente físico do computador responsável por interligar e conectar todos os outros, de forma que eles funcionem simultaneamente. Na prática, ela funciona como o cérebro da máquina: sem ela, o computador morre.

É fácil de imaginar: imagine uma placa onde estão ligadas e instaladas todas as outras peças do computador (ou a maioria, ao mesmo). Nessa placa existe o lugar certo onde se encaixam todas as peças e no restante do espaço estão os fios, que são responsáveis por conectá-los e também por transmitir a corrente elétrica que alimentará os hardwares, mantendo-os ligados.

Desconectando a placa mãe desses componentes ou vice-versa, você interrompe a transmissão de dados entre eles. Isso faz com que a sua máquina pare de funcionar ou comece a falhar.

Como escolher uma placa mãe boa para o seu computador

Agora que você sabe o que é placa mãe, ainda é necessário entender alguns pontos. Embora as placas mães vendidas e utilizadas hoje em dia ainda sejam muito parecidas com as antigas, elas não são iguais: assim como as demais partes e componentes do computador, cada modelo tem suas características singulares.Portanto, para escolher uma que atenda à sua necessidade é preciso que você saiba qual será o uso de sua máquina.O que é placa mãe

A lógica é a mesma dos demais componentes da tecnologia: quanto maior a necessidade de qualidade e otimização, maior deverá ser a qualidade da placa mãe tanto em material quanto em capacidade de desempenho.

Essa lógica interfere também no valor que o computador ou notebook chega às mãos do usuário: quanto mais potente for a máquina melhor deve ser a placa mãe e os hardwares e maior será o investimento por parte do comprador.

As mais simples oferecem o básico: HD, processador, memória RAM, leitor de CD ou DVD, placa de vídeo embutida e poucos slots para conexão USB, por exemplo.

Antigamente ela era ainda mais simplória: oferecia uma porta USB e leitura de disquete no lugar de CD, se lembra? Pois bem, a evolução continua a mesma.

Para os usuários mais exigentes, que necessitam de um computador mais resistente e funcional, são oferecidas placas mães com suporte para hardware de ponta: elas permitem que sejam conectadas placas de vídeo avulsas que trabalham em paralelo, além de possibilidade de expansão de memória e GPU.

Normalmente elas placas são construídas com capacitores mais resistentes para evitar o superaquecimento e posterior queima do hardware.

Por todos esses motivos, para quem não sabe o que é uma placa mãe e como ela funciona pode ser um pouco mais difícil escolher a melhor: é nessas horas que se torna indispensável o contato e consultoria de um profissional da área de tecnologia da informação que te indicará qual o melhor modelo para sua compra.

COMPARTILHE

DEIXE UMA RESPOSTA

dezessete + nove =