Você sabe o que o Windows, Linux, Android, Windows Phone e MAC OS têm em comum? Todos eles cumprem o mesmo papel em um aparelho eletroeletrônico: são modelos de sistema operacional.

Se você é usuário da tecnologia de informação, com certeza que já ouviu falar em SO – sistema operacional. Provavelmente já ouviu falar em todos esses nomes citados e se ainda é um leigo talvez não entenda o que é sistema operacional e o que ele faz que o torna tão importante.

O que é sistema operacional

O Sistema Operacional é o primeiro sistema que entra em funcionamento quando você liga um computador, tablet, smartphone, etc. Esse sistema tem a capacidade de colocar em funcionamento o hardware, pois fornece as informações básicas para inicialização e processamento de dados necessários para início das tarefas básicas do eletroeletrônico.

Algumas pessoas pensam o Sistema Operacional como um conjunto de softwares (programas) que fazem o computador funcionar. Embora essa forma de interpretação seja suficiente para entender o princípio de inicialização do aparelho, ela não está totalmente correta.o que é sistema operacional

 

Para que serve

Agora que você já sabe o que é sistema operacional, é importante saber para que serve.O sistema operacional atua como uma plataforma que age como base entre os hardwares e os softwares do seu computador, sendo responsável pelo gerenciamento geral da máquina.

Na prática, ele é que permite a inicialização do computador ou outro equipamento eletroeletrônico. Uma vez acionado, ele é o responsável pelo funcionamento da máquina e todos os seus componentes e demais programas. Sem a instalação do sistema operacional, o equipamento apenas liga.

Simplificadamente, as principais funções de um SO são:

  • Traduzir os comandos aplicados nos demais softwares para que os hardwares, incluso o processador, as entenda e resposta positivamente à solicitação (por exemplo: dividir as funções de forma a permitir que o usuário jogue determinado jogo, deixando os demais softwares em segundo plano);
  • Gerenciar os recursos dos hardwares para que todas as tarefas possam ser executadas a qualquer momento pelos usuários;
  • Gerenciar o acesso de arquivos diversos, oferecendo possibilidade de criação, edição, modificação, alteração de local e até exclusão dos mesmos;
  • Gerenciar tarefas diversas, para cada usuário diferente;
  • Permitir o funcionamento de periféricos como impressoras, hd externos, mouses sem fio, webcam’s, pen drives, etc ligados ao computador;
  • Garantir a segurança dos arquivos criados e guardados na máquina, de forma a permitir o acesso aos interessados. 

Entendendo um pouco sobre a compatibilidade e as atualizações

Hoje em dia existe uma grande variedade de sistemas operacionais que você pode testar e identificar qual é mais interessante para você. E como você já deve imaginar, nem sempre foi assim.

O primeiro SO criado foi o “Multics” desenvolvido pelo Project MAC, em 1965. Comparado com os atuais, o tatatataravô era bem mais simples, mas não menos genial. As grandes inovações começaram em meados da década de 1980, com a Apple e a concorrente Microsoft.

Já em 1985, a Microsoft lançou a versão do Windows 1.0 que tinha características de interface para o DOS. No mesmo ano, foi desenvolvido o Linux para os processadores da Intel.

A grande popularização dessas plataformas ocorreu com a chegada do Windows 95. A partir desse ano, todas as atualizações do sistema receberam o nome do ano, até a chegada no Windows Seven (7) e Windows Eight (8). A última atualização disponível no mercado pela Microsoft é o Windows 8.1.

O Linux é bastante utilizado por pessoas que gostam de se aventurar ou dominam ao menos um pouco do conhecimento sobre códigos e tecnologia da informação. Esse sistema é muito comum também, contudo ele é diferente do Windows e do MAC (da Apple), pois o código é aberto e permite alterações pelo usuário. Igualmente, o Android é um dos preferidos pelos usuários dos smartphones.

Conclusões

Agora que você já entende o que é sistema operacional e suas funcionalidades e conhece um pouco da história da evolução dessas plataformas, você consegue entender porque o seu computador não funciona quando formatado sem o CD com o SO.

Além disso, você consegue entender porque existem tantas opções de escolha para os aplicativos e softwares a serem instalados em sua máquina.

Por fim, vale ressaltar que cada sistema operacional é hábil para um determinado número ou tipo de processador. Portanto, pode ser que nem todos sejam compatíveis com a sua escolha.

Se estiver pensando em testar novos SO, procure sempre a orientação de um profissional da tecnologia da informação.

COMPARTILHE

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

dezesseis + 18 =